(11) 2574-7749

 

 

MAESTRO

Ederlei Lirussi

Músico Trompetistas / Maestro / Arranjador / Produtor Musical.

Iniciou suas atividades musical em 1980

Profissionalmente e Artisticamente em 1986.

Formação:  Bacharel em Trompete / Licenciatura Plena em música / Pós Graduação em Psicologia da Educação.

Estudou Também nas escolas e Conservatórios :

Fundação das Artes em São Caetano do Sul, Conservatório Musical do Brooklin, Escola Musicando, escola Municipal de Música e também Universidade Livre de Música, e muitos professores Particulares.

Trompetista

Bandas de Eventos e Festas:

Banda Rosset Show Band, Banda Champagne, Super Som T.A., e atua há mais de 25 anos na Banda SP3 New Band.

Big Bands

SP3 Big Band, Sammy’s Big Band & Orquestra, Big Band do Chefe,  Big Band do Conservatório Villa Lobos,e várias outras idealizou e formou várias Big Bands nas cidades de Franco da Rocha e Campo Limpo Paulista.

Acompanhou vários artistas durante todos estes tempos, tais como:  Hermeto Páscoal, Danilo Caymmi, Angela Maria, CaubY Peixoto, Ed Motta, Guinga,Proveta, entre outros….

 

Maestro

Iniciou suas atividades em 1992, desenvolvendo diversos projetos musicais em várias cidades, como Campo Limpo Paulista, Franco da Rocha, Osasco, Louveira, Jundiaí, São Bernardo do Campo e vários grupos na cidade de São Paulo.

Arranjador

Especialista em várias formações como: Banda Marcial, Quintetos de Metais, Brass Band, Banda Sinfônica e Orquestra Sinfônicas.

Fez diversos cursos e tem como orientadores: Maestro Mário Henrique e Maestro José Roberto Branco

Seus estudos e pesquisas musicais estão baseados em análises dos grandes músicos como;

Copositores: Haydn, Mozart, Beethoven, Tchaikovsky.

Arranjadores; Sammy Nestico, County Basie, Taddy Jones, Henry Mancinni e John Williams.

Produtor Musical,

Idealizou vários grupo:

*Orquestra de Metais de Campo Limpo Paulista.

* Big Band de Campo Limpo Paulista,

* Vera Cruz Brass Band,

* Banda Sinfônica do Conservatório Villa lobos – Osasco.

* Mr Funk – “The Best Earth Wind Fire”

* SP Pops Symphonic Band

Criou vários Espetáculo, atuando como maestro, arrajandor e diretor artísitico:

* Música Ação e Emoção.

* Os Maiores Compositores Clássicos.

* Brasil de Todas As Cores

* Soy Louco Por ti Amerca’s Sinfônico

* A Magia do Cinema

* Sinfonia para Crianças

* Os Maiores Heróis de Todos os Tempos.

* Uma Jornada nas Estrelas.

* Tributo a John Williams – o Mozart do Século XX.

Desde 2016, é artista exclusivo da MOV Produções Culturais e do Teatro UMC.

MÚSICOS INTEGRANTES

FLAUTAS

Andreia Souza

Natural de São Paulo a mezzo soprano Andreia Souza é conhecida pelo seu belo timbre e extensão vocal, iniciou seus estudos ao piano erudito e flauta transversal. Em 2000 ingressou a Escola Municipal de Música de São Paulo sob orientação do professor Caio Ferraz, atuou em alguns coros de São Paulo, dentre eles, o Coro da Osesp. Nos últimos anos Andreia tem se destacado como solista nos principais teatros do Brasil, entre eles: Theatro São Pedro em SP, Teatro Amazonas e Teatro da Paz.

Camila Vieira Almeida

Diplomada em Flauta Transversal pelo Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” de Tatuí, técnica em instrumento musical pela ETEC de Artes de São Paulo em parceria com o Conservatório de Tatuí e licenciada em Educação Musical pela UNIMES (Faculdade Metropolitana de Santos).

Iniciou seus estudos em 2004, aos nove anos com Professor Renato Suski. Aos treze anos ingressou no Conservatório Dramático e Musical “Dr. Carlos de Campos” de Tatuí na classe do Professor Otávio Blóes.

Participou de diversos festivais, tendo aulas com renomados flautistas.

Em 2014 e 2015 atuou como bolsista na Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí, sob regência do Maestro Dário Sotelo.

Em 2015 e 2016 lecionou no curso de Flauta Transversal na Escola Municipal de Música Hugo Belezzia em Itapeva-Sp.

Atualmente cursa flauta transversal na classe do Professor Rogério Wolf, na Escola Municipal de Música de São Paulo, é primeira  flauta na Pops Symphony Band, sob regência de Ederlei Lirussi e atua como flautista e piccolista na Banda Sinfônica do Exército.

Ivambergue Rodrigues de Souza

Experiência profissional

Flautista da Banda Sinfônica Jovem do Estado de São Paulo, (2000, 2001,2002 e 2006) onde trabalhei sob a regência de Mônica Giardini, com o regente-assistente Marcos Sadao e os convidados Marcelo Jardim, Lazlo Marosi (Hungria), Jean Reis, Eitan Avitsur (Israel), entre outros…

1ª Flauta da Banda do FEMUSC 2007;

Flautista na Orquestra Sinfônica de Campinas em 2012, como convidado;

Regente da Orquestra Filarmônica Hatus;

Flautista da Banda Sinfônica da Polícia Militar do Estado de São Paulo;

Professor de Flauta da Escola de Música de Alphaville;

Professor de Flauta do Instituto Hatus.

Formação

Aluno da Escola Municipal de Música de São Paulo (1999á2001). Professor José Ananias e novamente em 2005 á 2007 aluno da instituição.

Cursando Educação Musical na Universidade Federal de São Carlos.

Atividades extra-curriculares

Participei de Master Classes com os Professores Mary Karen Clardy (EUA), Michel DeBost (França), Kathleen Chastain (EUA), José Ananias, Curt Schroeder, Danilo Mezzadri, entre muitos outros…Participei dos Festivais de Música de:Jaraguá do Sul – SC (FEMUSC 2007).e Encontro Internacional de Flautistas em SP com os Professores Michel Bellavance, Jean-Louis Beaumadier, Claudia Nascimento, Renan Dias Mendes, Antonio Rocha

Júlio Menezes

Flauta Transversal – início aos 14 anos de idade

]Teoria Musical e Iniciação em Flauta em Igreja Assembleia de Deus

Básico em Composição e Harmonia – Maestro Elias José dos Santos

Seminário de Regência – Maestro Carlos Moreno

Marco André dos Santos – Solista e chefe de Naipe na Orquestra Sinfônica do Teatro São Pedro (Aula particular de flauta)

Ivan Rodrigues – 1ª. Flauta em Banda Sinfônica da Polícia Militar (Aula particular de flauta)

Henrique Amado – 1ª. Flauta na Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Aula particular de flauta)

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

Abril/2017 Atual 

2º. Flauta São Paulo POP Symphony

Maestro: Ederlei Lirussi

 

Janeiro/2017 Atual

 1º. Flauta Orquestra Filarmônica ABDA

Maestro: Elias José dos Santos

 

Abril/2016 Atual

 1º. Flauta Big Band Unidos em Cristo Evangelismo e Ação Social

Maestro: Gustavo Gouveia

Janeiro/2016 Atual 

1º. Flauta Banda Sinfônica Conservatório Villa Lobos FITO

Maestro: Ederlei Lirussi

Abril/2005 Junho/2007 

Flautista em Banda Musical JUCO (Juventude Cívica de Osasco)

Maestro: Egídio Pinheiro

Elias Soares Flauta

Começou os seus estudos aos 12 anos de idade na Escola de Música do Estado de São Paulo, sob a orientação dos professores Marta Ozzeti e Marcos Kiehl. Participou do Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão. Tocou em grandes grupos onde destacam-se, Banda Sinfônica do Exército brasileiro e Orquestra Jovem do Estado de São Paulo

CLARINETES

Sérgio Wontroba

Instrumentista da Banda Sinfônica do Estado de São Paulo de 1989 a 2017. Em Santo André atuou na Orquestra Sinfônica, no Coral Municipal e como regente interno nas óperas A Flauta Mágica de Mozart e O Barbeiro de Sevilha de Rossini. Atua como instrumentista em musicais como A Pequena Sereia (2016-2017 e A Noviça Rebelde (2018).

Atuou nas pocket óperas A Redenção Pelo Sonho de Tim Rescala e Bis! de Laércio de Freitas, no SESC Ipiranga, no espetáculo Pantagruel, do grupo Parlapatões e na gravação da trilha do filme O Xangô de Baker Street.

É arranjador, instrumentista e compositor no grupo ½ Dúzia de 3 ou 4.

Gênesis de Paiva

Iniciou seus estudos no Projeto Guri, onde estudou saxofone e depois Clarinete, onde estudou com o professor Edmilson Nery, Marta Vidgal, josé Luiz Brás e atualmente estuda com Tiago Naguel.

Foi integrante da Orquestra Filarmônica do Senai e també da Banda Sinfônica da Escola Municipal de Música.

Atualmente é Clarinetista da Banda Sinfônica do Conservatório Villa Lobos e da SP Pops Symphonic Band.

Bruna Vieira

Bacharela em clarinete pela Faculdade Cantareira, na classe do professor Sergio Burgani. Iniciou seus estudos musicais na ULM, e mais tarde, ingressou no Projeto Guri e na Escola do Auditório Ibirapuera. Participou nas gravações dos CD’s “Guri Convida” e “Furiosa do Coreto”.  E também, fez a Estreia Mundial da peça “3 Canções Farmacológicas de Ninar [a partir da bula adulterada de um famoso sedativo]”, para Barítono (voz), Clarinete e Piano, do compositor Matheus Bitondi (1979).

Atualmente é clarinetista da Orquestra Filarmônica Senai-SP e claronista na Banda Sinfônica de Taubaté (Campeã Mundial na categoria “Bandas Sinfônicas” pela WAMSB – EUA/2017).

 

Cláudia Montin Franco

Natutal de São Bernardo do Campo.Bacharel e licenciada em Múisica.

Foi aluna dos renomados professores: Leonardo Righi, rafel Galhardo e Roberto Sion.

Pioneirismo e quebra de paradigmas são as expressões que sem dúvida nemhuma, melhor definem sua carreira.

Em 1981 ingressou na Orquestra do SBT canal 4 de São Pulo, onde permaneceu por 21 anos, sendo a primeira mulher Saxofonista a integrar uma orquestra de Televisão no Brasil.

Integrou também as Orquestras da TV Record e Bandeirantes.

Participou das Big Bands como : Osmar Milani, SYlvio Mazzuca, Maestro Branco e Jazz Big Band.

Acompanhou vários artistas como: Simoninha , Danilo Caymmi, Hermetto Pascoal, Cézar Camrgo Mriano, Zé Rodriguez e muito outros.

Integrante também de vários Musicais como : Haie, Alô Dolly, A Madrinha Embriagada, Homem de La Mancha, Os Produtores.

Como Educadora, ministrou aulas de saxofone e clarinete em diversas instuituições, tais como Projeto Guri, CLM de Sçao Bernardo do Campo , CEUs de São Paulo e desde 2008 é professora do Conservatório Villa Lobos da Fundação Onstituto Tecnlogico de Osasco – FITO

Fernanda Peixoto

Iniciou os estudo no projeto Guri com o professor Tiago Costa, participou de festivais como Poços de Caldas, MUNASP e Boituva na classe de clarinete e tocando nas orquestra e bandas dos festivais, formada no curso livre de clarinete avançado na Emesp com o professor Edmilson Nery. Atualmente atua como clarinetista nas bandas: concervatório Villa Lobos, São Paulo Pops symphony, Banda São João Batista e banda 17 de Abril cituada na cidade de Jarinu, faz aula de clarinete no instituto fukuda com a professora Ligia Campos e estuda na Emesp.

Rodrigo Luis Silvestre de Oliveira

Licenciado em Pedagogia pela Faculdade Estácio de Cotia. Cursou Clarinete no Conservatório de Tatuí e Escola Municipal de Música de São Paulo. Atuou como Componente e professor de Clarinete na Banda Sinfônica de Itapevi, professor de prática de conjunto da Banda Sinfônica de Itapevi, professor e idealizador dos cursos de teoria musical da escola da banda e do curso de musicalização infantil para a rede municipal de ensino. Atou como 2º Spalla na Banda Conselheiro Mayrink, bolsista na orquestra da Escola municipal de São Paulo. 2º Clarinete da Banda Sinfônica Jovem de Tatuí onde foi selecionado para participar da Canja Cultural com a Banda Sinfônica do Estado de São Paulo. Foi Professor de Madeiras do Conservatório de Ferraz de Vasconcelos da ONG Clave de Sol em Itapecerica da Serra. Venceu o concurso do Mapa Cultural Paulista com o grupo OSISP (orquestra de Sopros de Itapevi São Paulo), com gravação de CD inédito dos grupos vencedores. Contratado como 1º Clarinete da Banda da Guarda Civil de Cotia (2014-16). Participou do Prêmio Incentivo à música de Câmara Conservatório de Tatuí/ Emesp, obtendo 8ª Colocação. Atuou como bolsista 2º clarinete, no I Encontro Latino Americano de Regentes e Músicos sob a regência do maestro Rodrigo Vitta. Participou do VI Curso de Férias do Conservatório de Tatuí com Masterclass do Professor da Academia da e Integrante da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (OSESP) Ovanir Buosi e palestras com o Maestro Marcelo Jardim da Universidade Federal do Rio de Janeiro e Maestro Dario Sotelo mestre em regência orquestral pela City University (Londres) atual regente da Banda Sinfônica do Conservatório de Tatuí. Integra o grupo Banda Sinfônica do Conservatório Fito OSASCO, como Clarinetista, Sp. Pops Sinfonic Band e 2º Spalla da Banda Sinfônica de Embu das Artes.

Cláudia Montin Franco

Natutal de São Bernardo do Campo.Bacharel e licenciada em Múisica.

Foi aluna dos renomados professores: Leonardo Righi, rafel Galhardo e Roberto Sion.

Pioneirismo e quebra de paradigmas são as expressões que sem dúvida nemhuma, melhor definem sua carreira.

Em 1981 ingressou na Orquestra do SBT canal 4 de São Pulo, onde permaneceu por 21 anos, sendo a primeira mulher Saxofonista a integrar uma orquestra de Televisão no Brasil.

Integrou também as Orquestras da TV Record e Bandeirantes.

Participou das Big Bands como : Osmar Milani, SYlvio Mazzuca, Maestro Branco e Jazz Big Band.

Acompanhou vários artistas como: Simoninha , Danilo Caymmi, Hermetto Pascoal, Cézar Camrgo Mriano, Zé Rodriguez e muito outros.

Integrante também de vários Musicais como : Haie, Alô Dolly, A Madrinha Embriagada, Homem de La Mancha, Os Produtores.

Como Educadora, ministrou aulas de saxofone e clarinete em diversas instuituições, tais como Projeto Guri, CLM de Sçao Bernardo do Campo , CEUs de São Paulo e desde 2008 é professora do Conservatório Villa Lobos da Fundação Onstituto Tecnlogico de Osasco – FITO

SAXOFONES

Marcelo Manfra

Professor desde 1997 do Conservatório Villa Lobos de Osasco, chegando a exercer o cargo de Vice Diretor de 2005 `a 2008 e Diretor de 2009 à 2013.

Atualmente atua como professor de estágio do Curso Técnico e também como professor de Saxofone e Flauta.

Participou da Orquestra Jazz Sinfônica, acompanhando vários Artístas renomados como: Ed Motta, Ivan Lins, Leila Pinheiro, Guinga, Proveta, Nivaldo Ornelas, Roberto Sion, o pianista Mitch Levy, entre outros.

Participou do Festival de Inverno de Campo do Jordão e etapa final do Premio Visa 2001.

Fez parte da Banda de Max de Cstro durante um ano, chegando a participar do Rock in Rio 2000.

Foi Integrante de várias formações instrumentais como: Banda Savana, Octeto do Maestro Branco, Zerró Santos Big Band Project, Banda Comboio, Banda do Chefe e Cacique Jazz Combo.

Participou como saxofonista e flautista em diversas gravações de discos de diversos artistas como: Paula Lima, Grupo Rastapé, Raça Negra, Reinaldo ( prícipe do Pagode), Mato Grosso e Mathias, entre outros.

Participou das Orquestras de vários musicais como : “O Homem de La Mancha, A Madrinha Embriagada, Tim Maia, Vale Tudo – O Musical, Cabaret, Hairspray, West Side Story, Os Produtores, Porguy and Bess.

Chico Macedo

Instrumentista (sax, flauta e clarinete), arranjador e professor, é bacharel em saxofone pela FMU/FAAM. Bolsista do Henry Mancini Institute, UCLA/Los Angeles. Toca Saxofone Barítono na Orquestra Jazz Sinfônica do Estado de SP. Em 2017 foi o diretor musical e arranjador do concerto 90 anos de Tom Jobim, no Club Paulistano. Em 2016 tocou no concerto PROMS 52, com a OSESP e Big Band da Jazz Sinfônica, sob a regência de Marin Alsop no Royal Albert Hall, em Londres/UK, transmitido pela BBC, e iniciou o projeto Chico Macedo 4Teto, apresentando suas composições e arranjos inéditos, com releitura de clássicos da MPB e choros. Realizou projetos de arte-educação no SESI como músico e arranjador (2013/2015). Participou do quarteto de SaxFourSax como músico, arranjador e compositor nos SESCs (1998/2013). Foi regente e arranjador da Orq. Municipal Infanto Juvenil de Itapecerica da Serra, projeto Barracões Culturais da Cidadania (2000/2004). Toca em big bands: Banda Jazzco, Cacique Jazz Combo, Banda Urbana e Nelson Ayres Big Band. Tocou com Eumir Deodato, Spok, Proveta, Vinícius Dorin, Trio Corrente, Roberto Menescal e em shows de Simoninha, Virginia Rosa, Cauby Peixoto e Ivan Lins, entre outros. Tocou instrumentos de madeira (músico titular e substituto) em: Sweet Charity, Os Produtores, A Gaiola das Loucas, Cabaret, A Família Addams, A Madrinha Embriagada, Cantando na Chuva e Operilda na Orquestra Amazônica. Faz parte do grupo de choro Regional Paulistano.

Joaquim Onofre Araujo Neto

Iniciou seus estudo de Clarinete em 1980 com Hector Costita, dando continuidade com Eduardo Pecci e posteriormente estudou Saxofone com o mesmo. Em 1986 estudou Sax com Roberto Sion.

Em 2011 tocou com a Orquestra Sinfônica Municipal em um show com Miúcha e Amilton Godoy.

Em 2006 foi convidado a fazer o solo do Bolero de Ravel com a Orquestra Sinfônica da USP.

Fez parte da Orquestra da TV SBT Por 12 anos, tocou em boates como Maksoud Plaza, fez parte da Orquestra de Sylvio Mazzuca. Desde 2005 toca em musicais como “O homem de lá Mancha”, “Alô Dolly”, “Cabaret “, entre outros

Ramiro Marques

Estudou na Fundação das Artes de São Caetano do Sul e na UNESP – Universidade Estadual Paulista. Aperfeiçoou seus estudos em saxofone com o Prof. Eduardo Pecci (Lambari), Nailor Azevedo (Proveta) e Roberto Sion. Desde 1989 fez parte do naipe de saxofones da BANDA SINFÔNICA do ESTADO DE SP, e atou como convidado em gravações, turnês e concertos nas principais orquestras sinfônicas do país incluindo a consagrada OSESP. É integrante do premiado SAXOFONIA – Quarteto de Saxofones e do grupo paulista de world music MAWACA. Em 2006 criou com a cantora, atriz e educadora Sandra Oakh o ILHA DA LUA – Música para Bebês, projeto de produção e divulgação de música para bebês e crianças. Em mais de 25 anos de carreira profissional como músico apresentou-se em shows, concertos, eventos e espetáculos musicais por todo o Brasil e em outros 21 países

TROMPETES

Edvaldo Barboza dos Santos

Músico & Produtor Artístico, Nasceu em São Bernardo do Campo em 19/05/1959.

Ingressou aos 10 anos de idade na Banda Mirim São José da mesma cidade, onde aprendeu as primeiras notas musicais no trompete, instrumento que  desenvolveu juntamente com teoria musical em estudos no Conservatório Musical Chopin (S.B.C.).

Aperfeiçoando-se mais tarde na Fundação das Artes de São Caetano do Sul, ministrado por professores/maestros e arranjadores tais como: Nelson Ayres, Roberto Sion, Roberto Manzo, e Amilson Godoy. Ingressando após esse período em curso de especialização na Universidade Livre de Música (S.P.). Também realizou estudos de harmonia moderna com o Professor e Arranjador Cláudio Leal Ferreira.

Profissionalmente tocou em bandas de baile, casas noturnas,Clubes de dança e orquestras de casamento. Também dividiu palco com artistas/cantores tais como: Frejah, Gil (Banda beijo), Tony Garrido, Zezé di Camargo, entre outros.

Ainda como músico, participou em Big-Bands : Banda Savana (Maestro Roberto Branco), Sampa Big-Band, SamysBand, Big-Band (Maestro Luis Arruda Paes) .

Influências musicais: Pixinguinha, Tom Jobim, Quincy Jones, Gilberto Gil e Miles Davis.

Paralelamente vem trabalhando  em produções musicais de jovens artistas e também de alguns já renomados: Banda Eva, Banda Olodum,etc.

Atualmente  entre Outros Projetos em Desenvolvimento: trabalha na concepção e produção musical do Show/Projeto:  “ Lady Sings the Blue”, da jovem cantora Vanessa Muller, que presta homenagem às maiores intérpretes de todos os tempos, como Etta James e Billie Holliday; já apresentado nos EUA, e agora sendo trazido ao Brasil.

Produziu Concêrtos  Sinfõnicos no interior Paulista , Região de Penápolis, Presidente Prudente, Ipaussú, Lins. Com o Espetáculo “Lúmine in Concert”.

Projeto esse que se desenvolve desde o Ano 2000 até hoje; onde além das apresentações na Orquestra Profissional, também se desenvolvem Ações Culturais e Sociais  na região.

Atua desde 2014 como Diretor Cultural na ONG ( Viqui ), a qual  é Qualificada perante o Ministério da Justiça como “OSCIP” . E  Como Produtor atua na Concepção, formatação e execução de Projetos Via Leis de Incentivo. (  Rouanet & Proac ).

Mauro Boin

Começou a tocar trompete na Banda Mirim de Baeta Neves em 1973, na cidade de São Bernardo do Campo com o Maestro Irineu Negri Garcia, tendo participado da mesma, até 1980.

Em 1985 completei o curso de música da Fundação das Artes em São Caetano do Sul, em 1995 me formou-se Bacharel em Trompete pela Faculdade Mozarteum.

Participa da Banda Savana desde 1988, tendo gravado 2 discos. Trabalha na Jazz Sinfonica de Diadema, e  também na Lira Musical de Diadema.

Trabalha em estudios, na gravação de discos de varios artistas .

Dá aulas de trompete na Escola de Musica Brasil e na St Nicholas School.

Já acompanhou artistas em muitas tournês pelo Brasil e pelo Mundo, são eles: Gian e Giovani, Chitãzinho e Xororó, Daniel, Milionario e Marciano, Roberta Miranda, Pedro Bento e Zé da Estrada, Jota Quest, entre outros.

Participou por 2 anos do Programa Hebe Camargo, Programa do Ratinho, etc..

Tocou em varias bandas de baile, como: Banda St Paul. Banda Reveillon, Samys Band, etc..

Viajou pelo Estados Unidos e Canada com a Campanhia OBA OBA, nos anos de 1990 e 1991.

 

Wagner Cristiano Becari

Wagner C. Becari Bacharel em música com habilitação em trompete (2008), professor de música do colégio Padre Anacleto de Camargo em Santana de Parnaíba-SP, trompetista da Orquestra de Metais de Campo Limpo Paulista-SP, trompetista na empresa SP3 eventos. •2016- atual trompetista da Banda Sinfônica do Conservatório Villa-Lobos F.I.T.O. •2014-professor de música do colégio Padre Anacleto de Camargo – Santana de Parnaíba-SP •2010-atual Professor de musica na Fanfarra Municipal de Campo Limpo Paulista •2011-2012 Professor estagiário de musica nas escolas municipais em Franco da Rocha. •2010- 2012 Professor de trompete, estruturação musical, tecnologia em musica e pratica de conjunto, na escola de Música Som Livre (Campo Limpo Paulista) •2006-atual Monitor chefe de naipe de trompetes da Orquestra de Metais de Campo Limpo Paulista sob a regência do maestro e arranjador Ederlei Lirussi. •2004-2015 Trompetista da Big Band da F.I.T.O sob a regência do maestro, compositor e arranjador José Roberto Branco. •2011-2014 Trompetista da big band da empresa SP3 sob a regência do maestro e arranjador Mario Henrique. •2010-atual Trompetista da empresa SP3. •2006-atual Trompetista da orquestra Art’Encanto Coral e Orquestra. •Participou da IV Semana de educação musical VIII Encontro Regional da ABEM com Big Band da F.I.T.O. 2012. •Acompanhou o artista Hermeto Pascoal no Festival de jazz em Santos-SP (Santos Jazz Festival) com a Jazz Big Band, Teatro Coliseu, 2012. •Acompanhou o Artista Danilo Caymmi no festival de musica de Santos-SP com a Jazz Big band, Teatro Coliseu, 2013. •Acompanhou o Artista Guinga no festival de musica de Amparo com a Big Band da F.I.T.O. 2009. •Acompanhou a Artista Elza Soares no lançamento do disco da banda Black Rio. 2012. •Acompanhou o Artista Ed Motta com a banda Black Rio. 2012.

Michel Machado

Bacharel de Trompete pela Faculdade Mozarteum de São Paulo e em pedagogia pela faculdade Carlos Gomes.

Iniciou sues estudos na Universidade Livre de Música (ULM) e atuou em diversas Orquestras e Bandas Sinfônicas por todo o Estado de São Paulo.

Participou ainda de diversos Festivais e Encontros de Música destacando-se “Encontro de Metais” – ULM em 1999, 2000 e 2001, Festival de Inverno de Campos do Jordão 2001 e 2004, Festival de Poços de Caldas 2002 a 2005

Atua em diversas montagens musicais da Broadwayem São Paulo e integra o Quinteto BrasSampa.

É principal trompete da Orquestra Sinf^nica de Piracicaba.

Ivan Patti Nunes

Iniciou meus estudos musicais no Conservatório Musical Villa Lobos da cidade de Osasco no ano de 1988 onde atuava como Trompetista da orquestra sinfônica e da Jazz Big Band, dando continuidade aos estudos do Trompete na Universidade Livre de Música, atual EMESP.

Estudou com trompetistas importantes do cenário nacional e internacional como Ederlei Roberto Lirussi, atual professor de trompete do Conservatório Musical Villa Lobos de Osasco, Fernando Dissenha, atual solista da OSESP, Edilson Néri Banda Sinfônica do Estado de São Paulo, Daniel Alcântara, professor da EMESP e um dos melhores improvisadores da atualidade, Manoel Ernesto, Edmilson (Chiquinho) Banda Sinfônica do Estado.

Integrou o naipe de Trompetes da Banda sinfônica e da Jazz Band da Polícia Militar do Estado e São Paulo, onde participou de inúmeros concertos dentro e fora do estado de São Paulo, festival de Campos de Jordão, concerto com a OSESP, dentre outros de 1994 a 2015, ano que passou para a reserva.

Atualmente faz parte da Banda Musical de Embú das artes, desde o ano de 1995, atua em cerimônias de casamento e integra o naipe de trompetes da Banda Sinfônica do Conservatório Musical Villa Lobos de Osasco.

Pedro Paulo Souza Moura

Natural de Franco da Rocha – SP, é pós-graduado em educação musical pela FACCAMP (faculdade de Campo Limpo Paulista), com formação técnica em trompete pela FITO (faculdade tecnológica de Osasco) e composição pela EMESP (escola de música do estado de São Paulo). Teve aulas de trompete com: Ederlei Lirussi, Marcelo de Oliveira, Rubinho Antunes, Daniel D’Alcantara e Clovis Beltrami. Nas aulas de composição fez aula com Edmundo Villani-Cortes, Eduardo Guimarães, João Victor Bota e Rodrigo Lima.

TROMPAS

Deusenil Santos

Bacharel em trompa pela Faculdade Mozarteum de S.Paulo, Pós-graduado pela FMU, eh um músico versátil com experiência em Orquestra Sinfônica, foi músico da Orq Sinf Municipal por 24 anos, tem larga experiência em big banda e bandas populares. Gravou em estúdio com os mais renomados artistas da MPB e da música Gospel.
Participa da Vera Cruz desde seu início.

Ednaldo Alves da Silva

Estudou 16 anos Tuba na ULM .

Depois  passou para Trompa pelo Conservatório Dramático de SP.

Foi integrante das Orquestra Sinfonica Carlos Gomes e da Orquestra Sinfonica Villane;

Atualmente atua na Banda Sinfonica Villa Lobos e Vera Cruz Symphonic.

Gersson Araújo Monteiro

gerdsonmonteiros@hotmail.com (11) 94135-1006 São Bernardo do Campo, SP Gerdson Monteiro, músico, trompista. Iniciou seus estudos na escola Fundação das Artes de São Caetano do Sul, onde integrou a Orquestra Jovem Sinfônica da FASCS por alguns anos. Participou da Orquestra Jovem Municipal de Guarulhos, da Orquestra de Câmara da ECA/USP e atualmente é integrante da Orquestra Sinfônica de Mogi das Cruzes e da Banda Sinfônica Jovem de Mogi das Cruzes. É também integrante da SP Pops Symphonic Band e da Flow Big Band.

David Misiuk

BRASILEIRO, 54 ANOS, nascido em São Paulo, iniciou seus estudos de trompa em 1982, na Escola Municipal de Música de São Paulo, sob orientação do Professor Enzo Pedini.Bacharel, pela Faculdade Mozarteum de São Paulo, com especialização em instrumento (trompa), conclusão em 1993, sob orientação de Ozéas Arantes.Principais professores:  Ozeas Arantes, Mario Rocha, Daniel Havens, David kappy, Enzo Pedini.

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

1984 – 1990 – ORQUESTRA  EXPERIMENTAL DE REPERTÓRIO

1987 – 1990 – ORQUESTRA SINFÔNICA DE SANTO ANDRÉ

1989 -1995 – BANDA  SINFÔNICA DO ESTADO DE SÃO PAULO

1991 – 1995 – ORQUESTRA SINFÔNICA DE SOROCABA

1995 – 2014 – ORQUESTRA SINFÔNICA MUNICIPAL DE SÃO PAULO – TROMPISTA

2000 – 2008 – QUINTETO METAL NOBRE

2012 – 2014 – QUINTETO SOMBRASS

ATUAL:

– PROJETO VILLA DAS CRIANÇAS – TROMPA

– ROYAL BRASS – TROMPA

– SP POPS SYMPHONIC BAND – TROMPA

EXPERIÊNCIA PEDAGÓGICA

FESTIVAL DE VERÃO DE CAMPOS DOS GOYTACAZES – 2000 E 2001 – PROFESSOR

FESTIVAL INTERNACIONAL DE ITÚ – 2013 E 2014 – PROFESSOR

FESTIVAL INTERNACIONAL DE FORTALEZA – 2014 E 2017 – PROFESSOR

Avelino dos Santos Leite  

Começou como aluno de trompa no conservatório vila lobos fito em 2006 participando da orquestra da unidade referida como bolsista .

Em 2009 atuei na orquestra filarmônica do conservatório dramático de sp como músico voluntário.

É integrante da Banda Sinfônica Villa Lobos e SP Pops Symphonic Band

Odilon Bueno

Natural de Mogi das cruzes SP, iniciou seus estudos na orquestra da igreja e posteriormente ingressou na antiga ULM

Participou de grupos jovens de Sp como banda sinfônica jovem , OCAM e Sinfonica de Heliópolis e orquestra jovem de Guarulhos, foi integrante da orquestra sinfônica de São José dos Campos e de musicais como Jesus Cristo super star e o Rei leão.

Atualmente é professor do projeto pequenos músicos em Mogi das cruzes, primeira trompa da orquestra sinfônica de Mogi das Cruzes e trompista da orquestra de Sopro Paulista (OSP).

FLUGELHORN

Flávio Freitas Lima

Formou-se bacharel em trompete popular pela FAC-Fito em 2014. Estudou trompete com o professor Ederlei Lirussi e atua tocando trompete na SP3 New Band.

Também participa desde 2012 da Orquestra de Metais de Campo Limpo Paulista, e da Banda Sinfônica do Conservatório Villa Lobos (Fito – Osasco) desde 2015, ambas tocando flugelhorn. Professor de musica em Santana de Parnaíba, é responsável pela Banda Marcial do Colégio Leda Caira que faz parte do projeto “Musica nas escolas: Desfilando Cidadania”.

EUPHONIUM

Gustavo Shiguematsu

Iniciou os estudos do Bombardino, com o Maestro Ederlei Lirussi na Banda Marcial do Colégio Prígule e na Fanfarra Municipal de Campo Limpo Paulista. Em 2001, ingressou no Centro de Estudos Musicais Tom Jobim-ULM, para estudar trombone com o Professor Gilberto Gianeli.
Concluiu o curso de Licenciatura em Música pela Faculdade Santa Marcelina. Em 2010, iniciou a carreira como Professor em escolas particular e nas Prefeituras de Franco da Rocha e Campo Limpo Paulista. Participou de Bandas e Big Bands atuando como trombonista.
Atualmente é coordenador do Curso de Música do Centro Cultural de Santana de Parnaíba e Professor de Fanfarra na Prefeitura de Campo Limpo Paulista. É líder do naipe de Bombardinos da Orquestra de Metais de Campo Limpo Paulista, trombonista da Banda ForYou do Grupo SP3 e atua como freelancer com demais grupo em festas e cerimônias de casamento.

TROMBONES

Valdir Ferreira

iniciou seus estudos do instrumento, em 1975, numa banda de música de São Bernardo do Campo-SP, com o professor Romilso Curvelo da Silva. Em 1980, entrou na Escola Municipal de Música de São Paulo e teve como professores Gasparo Pagliuso, Gilberto Gagliardi, Naomi Munakata e Osvaldo Lacerda.Nessa época, começou sua carreira profissional e passou a integrar importantes grupos musicais como a Banda Savana, o LF Combo, do pianista Laércio de Freitas e acompanhar renomados artistas como Milton Nascimento, Natalie Cole, Ivan Lins, Caetano Veloso e outros. Tem, ainda, intensa atividade nos estúdios de gravação.

Participa da BANDA MANTIQUEIRA desde a sua formação e também é professor de trombone na Fundação das Artes de São Caetano do Sul.

Peterson Silva

Brasileiro, nascido na cidade de Jundiaí-SP, começou seus estudos musicais na Fanfarra Municipal de Campo Limpo Paulista com o professor/maestro Ederlei Roberto Lirussi no ano de 2002. No ano de 2004 ingressou no Conservatório Fito – Villa Lobos na cidade de Osasco, onde estudou trombone com o professor Paulo Norberto. No ano de 2007 ingressou no Centro de Estudos Musicais Tom Jobim, antiga ULM, no curso de trombone Erudito. Estudou trombone com o Professor Marcos Sadao e com o professor Carlos Freitas. No ano de 2014 ingressa no curso de trombone com foco em Mpb e Jazz no Conservatório Dramático Musical Carlos Campos em Tatuí. Onde fez aula de instrumento com Alan Palma e tendo aula com os professores Érica Masson, Paulo Flores, Marcelo Almeida, Sergio Frigério, Fabio Leal como nas matérias teóricas e praticas. Além de ser bolsista atuando na Big Band do CDMCC.

Atua como instrumentista na Orquestra de Metais de Campo Limpo Paulista, musico da Banda SP3 New Band, Big Band Clp, Quadra Metálica e também já participou do Coletivo Orquestral-Unicamp sob a direção do professor Mario Campos, Big Band Jovem do Conservatório de Tatuí com orientação de Érica Masson, Big Band do Conservatório Fito Villa Lobos orientado pelo Maestro Branco.

Emerson Andrade

Nascido em Santo André SP. Começou os estudos musicais aos 16 anos na Igreja Assembléia de Deus com o maestro Luiz Carlos Ribeiro. Aos 26 anos retornou aos estudos na Fundação das Artes com o Professor Valdir Ferreira e atualmente cursando Bacharell em trombone na Famosp com o professor Valdir Ferreira. Teve como atividades profissionais tocando por 2 anos na Banda Átriun no programa da Hebe Camargo, Big Band Passaporte Brasil, Big da Santa, SP Jazz e Participações na Banda Savana, Sam´s Band e SP3. Atualmente ensina instrumentos de metais em escolas do Ensino Fundamental na PMSA ,toca na Orquestra Magistralle e Orquestra Inovare ( OFSBC).

Leonardo Ramos

Trombonista baixo, formado pelo Conservatório de Tatuí, em sua carreira vem desenvolvendo trabalhos e diversas vertentes e estilos musicais. Integrou a Orquestra Jovem de Stuttgart em sua turnê pelo Brasil em 2012; Orquestra Tom Jobim; SP Jazz Big Band; entre outras. Participou do projeto Música Orquestral Alemã, coordenado pelo maestro Felix Krieger. Atualmente cursa bacharel em trombone na Universidade de São Paulo; faz parte da OCAM (Orquestra de Câmara da USP), Coletivo Lado B e SP Pops Symphonic Band.

Rafael Gonzaga

Rafael começou seus estudos de Trombone na banda mirim de São Bernardo do Campo com 11 anos, depois com 15 anos ingressou na Fundação das artes de São Caetano onde começou a estudar trombone com o professor Valdir Ferreira (banda Mantiqueira) onde está estudando até hoje, atualmente toca na big band da Fundação das artes, na brass band Groove na Chapa e na Flow Big band.

TUBAS

Dante Capacla

Atual tubista da Orquestra Sinfônica de Piracicaba, Dante Capacla iniciou os seus estudos na antiga Universidade Livre de música onde se formou em 2004 no curso de Tuba.

Atuou em diversas grupos como Orquestra Sinfônica Villa Lobos na Turnê Vídeo Games Live no Teatro Bradesco na temporada de 2015,

Orquestra Sinfônica Comunitária da Unicamp na qual executou o Concerto de Tuba de William Pickett frente a orquestra nos dois programas de 2015,

Orquestra de Metais Campo Limpo Paulista onde desde 2011 atua como chefe de naipe. Foi professor de Tuba e Eufônio no Projeto Guri Jundiaí durante os anos de 2011 a 2014 e atualmente é Professor de Tuba e Eufônio  e integrante da Banda Sinfônica do Conservatório Villa Lobos da FITO-Osasco.

Rafael de Lima Abreu

Iniciou os estudos na música aos 7 anos de idade, começou a aprender a tocar tuba com 19 anos. Estudou no Conservatório Villa Lobos com o tubista da Orquestra Sinfônica de Piracicaba, Dante Capacla, e teve aulas particulares com o tubista da extinta Banda Sinfônica do Estado de São Paulo, Gustavo Campos. Entrou para a Banda Sinfônica Villa Lobos em 2016 e na SP Pops Symphonic Band em 2017, onde atua até os dias de hoje.

Rubens Mattos

  • mail: rubensmattos@hotmail.com Em 1987 iniciou sua carreira profissional ingressando logo em 1989 na Banda Sinfônica do Estado de São Paulo onde se tornou Chefe de naipe e em seguida Solista. Com a BSESP excursionou pela Europa em 1997, e novamente em 1999 com a Banda Sinfônica de Cubatã Participou como convidado da Orquestra de Curitiba na Celebração do seu décimo oitavo aniversário, bem como na Orquestra de Belo Horizonte (ICOS), OSESP, Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas, OSMS, OSFSBC, OSSA, Jazz Sinfônica, entre tantas outras dezenas de Orquestras e Bandas. Lecionou na Unicamp (Nidic Pro-Reitoria) Curso de Extensão Universitária nas classes de Tuba e Euphoniun, Foi Professor de Prática de Orquestra e Tuba na Escola Técnica de Música e Dança “Ivanildo Rebouças da Silva”. Lecionou no II Encontro Internacional de Metais na Cidade de Tatuí. É Professor do Programa BEC, e da Escola do Auditório Ibirapuera SP. Desde o inicio de sua carreira tem Participado de dezenas de Gravações de CDs e DVDs, e mídias diversas como convidado e também como solista. Além dos milhares de Concertos Sinfônicos e Óperas.

Contra baixo acústico

Renato Loyola

Contrabaixista (acústico e elétrico), compositor, arranjador, professor e produtor musical, com grande experiência profissional.

Já atuou, no Brasil e exterior, com artistas como Simone, Dick Farney, Johnny Alf, Nana Caymmi, Raul Seixas, Jane Duboc, Fafá de Belém, Pery, Ribeiro, Cláudia, Etta James, Alaíde Costa, Quarteto em Cy, Maysa, Patrícia Max, Sergio Brito (Titãs), David Richard, David Amran, Arismar do Espírito Santo, Hector Costita, Cauby Peixoto, Banda Mantiqueira, Orquestra do maestro Silvio Mazzuca, Orquestra Sinfônica de Santos, entre outros.

Trabalhou, com os seguintes maestros e arranjadores em apresentações e gravações de discos, CDs, jingles e trilhas:

Ciro Pereira, Chiquinho de Moraes, Eumir Deodato, maestro Branco, César Camargo Mariano, Élcio Álvares, Luiz Roberto Oliveira, Júlio Medaglia, Laércio de Freitas, Waldomiro Lenk, Júlio Teixeira, Murilo Alvarenga, Théo de Barros , Bozo Barreti, Jobam, Luiz Antônio Karan, Marcos Pontes, Edson José Alves, Osmar Barutti, Leandro Braga, Janio Santone, Eduardo Souto Neto, Lincon Olivetti, Luis Avelar, Eduardo Lages, Jaques Morelembau, Gilson Peranzeta, Miguel Briamonte. Nelson Ayres, Amilson Godoy, Roberto Sion, Marcelo Guelfi.

Se apresenta com o pianista e maestro Osmar Barutti, faz a direção musical da cantora Mariana Belém, é coordenador, professor e maestro da orquestra Geração Azul composta por crianças carentes da instituição ABCD- Nossa Casa, se apresenta com o compositor e pianista Flavio Romano, integra a banda que acompanha a cantora Carmen Monarcha, faz parte do quinteto JAZZART, se apresenta em shows e eventos da empresa Oito Notas, é professor de contrabaixo na FITO (fundação instituto tecnológico de Osasco) e continua a participar regularmente de gravações.

Marcelo Ávila                                                                                                                                                                                      Contrabaixista profissional à  vinte e seis anos têm como formação : conservatório “Dr. Carlos de Campos” em Tatuí além de cursos de percepção e harmonia com “Ricardo Brein” , improvisação com “Celso Pixinga” e contrabaixo acústico com “Rubens Dedonno”.  Atua em todos os segmentos tais como:gravações,bailes, produções e shows com artistas nacionais e internacionais, além de participar dos musicais ‘ENLACE’ e ‘A PRINCESINHA’. Amante do jazz, suas principais influências são: Ray Brown,  John Patitucci  ,  Ed Gomes  e Marcus Miller.

PERCUSSÃO

Valmir Rodrigues

Natural de São Paulo-SP, estudou bateria com Zé Eduardo Nazário e Fernando Gonçalves.  Tocou em bares, shows, casas noturnas, gravações e bandas de baile.

Em 1985 viaja para Portugal, acompanhando artistas locais e internacionais.

Em 1987 volta ao Brasil, tocando no Beleléu Bar por três anos, por onde passaram grandes músicos e artistas brasileiros.

Atuou vários anos na casa noturna “Inverno e Verão”, como baterista da casa e acompanhando também os artistas que ali faziam shows.

Em 1990 viajou para Israel, para uma temporada de seis meses com a cantora Bartira Teles e o Grupo Kuarup, o que seria o embrião do que é hoje a Banda Sabor Brasil, tocando em pubs, casas noturnas, kibutz e participando de festivais de jazz em Jerusalém e Tel Aviv.

No Brasil tocou com vários artistas nacionais, dentre eles: Johnny Alf, Vanusa, Ângela Maria, Luiz Airão, Maria Alcina, Antonio Carlos e Jocafi, Cristian e Ralf, Daniel, Walter Franco, Wilson Simonal, Ataulfo Alves Jr, Cláudia Oliveira (Evita), Valdirene, Miriam Batucada, Jair Rodrigues, Luciana Mello, Ana Buarque de Hollanda, Lé Dantas e Cordeiro, Patrick Dumont, Miriam Mirah, Lula Barbosa, Os Três Tenores do Brasil, Jorge Durian, etc…

Durante 15 anos foi baterista e coordenador musical da Samy’s Band, tendo a oportunidade de acompanhar artistas internacionais tais como: Yoel Scharabi, Michael Strossner,Nico Fidenco, Mike Burnstein, Avram Freid, etc…

Com a mesma banda tocou em Nova Iorque e Paris.

Em 1999, recebe o convite para integrar o elenco de entretenimento do Navio Princess Danae, atuando como bandleader da Banda Sabor Brasil, baterista e Diretor Musical, dando início assim à carreira de músico de cruzeiros.

Desde a temporada 1999/2000 é o baterista e líder da Banda Sabor Brasil, tendo trabalhado  nos seguintes navios: Princess Danae (2000/2001), Princess Danae (2001/2002), R6 Blue Star (2003/Europa), R5 Blue Dream (2003/Europa), R5 Blue Dream (2003/2004-Brasil), R6 Blue Dream (2004/2005-Brasil), Pacific (2005/2006-temporada de 1 ano e 4 meses no nordeste e Amazônia), Grand Voyager (2006/2007), Oceanic II (2007-Europa),  Grand Voyager (2007/2008), MV Zenith (2008/2009), MV Empress (2009/2010), atuando nos três últimos também como Coordenador Musical e novamente MV Empress (2010/2011).

Em 2012 (Maio/Agosto), atuou como baterista na orquestra do musical “ENLACE a loja do Ourives”, no TUCA.

Também participou do musical “A PRINCESINHA” em Campos do Jordão-SP em dezembro de 2012\janeiro de 2013 e o mesmo musical no Teatro Anhembi Morumbi de junho a agosto de 2013.

Tocou no musical “LUZ COR DE LUAR” em dezembro de 2014 e janeiro de 2015.

Atualmente toca no musical “A Atormentada” de Mara Carvalho, é baterista da banda do cantor Gilliard, do Grupo de Black Music “Mr FUNK” e da Orquestra VERA CRUZ.

Israel Mario Barros

Percussionista a mais de 30 anos, estudou na década de 80 com grande baterista Dirceu Medeiros.

Trabalhou na noite paulistana mas ativamente à partir dos anos 90, com bandas de bailes, casas noturnas, orquestras e shows.

Desenvolveu um trabalho na educação musical em prefeituras, no Centro Cultural da Secretaria de Cultura de Santana de Parnaíba, e Ongs. Como músico é formado em Bacharel em Percussão, e como educador tem Licenciatura Musical e Pedagogia. Atualmente atua como coordenador, percussionista e professor de música no Conservatório Musical Villa Lobos de Osasco – FITO.

Ricardo Hideki Iseri

OMB 72830

Iniciou estudos de bateria no Conservatório Villa Lobos em 2004. De 2004 a 2011 acompanhou bandas de reggae e rock em apresentações e gravações. Em 2011 passou a fazer parte da empresa Deliziare Coral e Orquestra. Em 2016 passou a integrar como percussionista da banda Sinfônica Villa Lobos. Em 2017 passou a integrar a SP Pops Symphonic Band.

Henrique Felippe

Carlos Henrique Felippe, baterista e percussionista, iniciou seus estudos musicais aos nove anos de idade, passando pelos professores Luiz Albano, Henrique Iafelice, Fabiano Manhas, Evandro Camellini e, atualmente, Israel Barros. Cursou até o 4º semestre do curso Bacharelado em Bateria do curso de Música da FAC-FITO. Já tocou nas bandas Tribunal de Rua, Hangover Kings, Resistance Muse Cover e AchromaLine, e na Banda Sinfônica do Conservatório Musical Villa-Lobos. Hoje, prossegue em seus estudos no instrumento nos cursos livres de Bateria, com Israel Barros, e estuda piano com o professor Marcelo Elias, no Conservatório Musical Villa-Lobos, em Osasco/SP. É músico atuante na SP Pops Symphonic Band e na banda Hot Space. Entre seus estudos, estão a leitura de partituras, práticas de conjunto e diversos métodos e repertório para bateria e piano.

Amilton Garcia

Começou a tocar aos dez anos de idade e posteriormente teve aulas de bateria com o professor Israel Barros no Conservatório Villa Lobos e percussão com o professor Roberto Saltini na FAC-FITO, ambos localizados em Osasco.

Faz apresentações em casamentos, festivais, bares, teatros e orquestras. Trabalhou durante três anos no Staccatus Studio, e possui conhecimentos em gravação, ensaios e edição de áudio/vídeo.

Atualmente ministra aulas nas escolas Projeto67 – Unidade Osasco e Projeto67 – Unidade Granja Vianna, além de aulas particulares.

Roberto Ribeiro da Silva

Iniciou os estudos de ritmos e bateria aos 17 anos de idade. Formado e Pós Graduado em educação musical em 2013 e 2014 pela Faccamp (Faculdade de Campo Limpo Paulista). Em 2012 durante a graduação iniciou como percussionista na Orquestra de metais da cidade de Campo Lpo Pta onde atua até a data atual.

Formou-se em Pedagogia em 2017 e no mesmo ano iniciou na Orquestra São Paulo Pops Symphony com a regência do maestro Ederlei Lirussi.

Atualmente concursado como professor de música na cidade de Itupeva onde faz um trabalho há mais de 5 anos.

 

Moisés de Souza Costa

Nascido na cidade de São Paulo em 1995. É músico profissional desde 2014. Estudante de percussão desde 2006 no Projeto Guri no polo de Osasco onde tocou diversos instrumentos tais como vibrafone, xilofone, acessórios como: tamborim, triângulo, blocos, agogô. Em 2015 iniciou estudos no conservatório Villa-Lobos, em Osasco.

Atualmente toca como percussionista na Banda Sinfônica do Conservatório Villa-Lobos e na Banda Sinfônica SP Pops Symphonic Band

. Além dos projetos sinfônicos também toca bateria na banda de rock Die for a Reason, que está para lançar seu primeiro disco em 2018.